Follow by Email

sexta-feira, 28 de agosto de 2009

Coffinman - O livro



"Coffinman: O diário de um budista, de Aoki Shinmon. Shinmon Aoki é forçado por circunstâncias financeiras extremas a um trabalho em uma das profissões mais desprezadas na sociedade japonesa, a de nokanfu, quem lava e prepara corpos para a cremação. Olhado com vergonha pela família e pelos amigos e tomado por sua própria repulsa inicial ao trabalho, Aoki joga-se a sua tarefa com um fervor que atrai a atenção do povo da cidade, que lhe dá o título de Coffinman (O Homem dos caixões).
Nesta autobiografia espiritual budista, Aoki faz a cronica de sua progressão da repulsão a uma compreensão gradual da tranquilidade que acompanha a morte. Ajuda o não iniciado a ganhar uma visão dos princípios básicos do budismo e de seus conceitos da morte e na morte.
O autor Shinmon Aoki é o autor de duas coleções de poesia e de uma seleção de ensaios em japonês. Vive em Toyama, Japão." (Extrato da resenha da editora)

O livro originou o filme A Partida, que a Comunidade Zen Budista de Florianópolis assistiu na quinta feira no CIC e que ganhou o Oscar de Melhor filme estrangeiro este ano. Tanto a história inusitada, a atuação primorosa dos atores, a fotografia, e a emoção digna mas intensa, são características que fazem do filme uma recomendação para todos.