Follow by Email

terça-feira, 9 de agosto de 2011

Perseguição aos budistas



Infelizmente houve perseguição ao budismo em numerosos países do oriente, e ainda há, o Tibete é um exemplo de combate institucionalizado pela ditadura chinesa contra a religião de todo um povo. No Japão e China várias vezes a acusação de "religião estrangeira" vicejou, queria-se restaurar o que fosse autóctone, como o taoísmo ou o shintoísmo. Na foto acima a perseguição moderna que surge na Coréia do Sul, este país tem atualmente 30% de cristãos convertidos, movidos pelo pensamento de combater as heresias antigas, alguns fundamentalistas tem incendiado templos e destruído obras de arte budistas, a foto (2006) é um registro de um destes tristes episódios de intolerância religiosa.