Follow by Email

sexta-feira, 6 de fevereiro de 2009

Soto Shu na Europa


Foto de 2007 da comemoração dos 40 anos do zen na Europa. La Gendronniere.

Durante 40 anos o zen se desenvolveu na Europa, durante um bom tempo trilhou um caminho independente, e , sob a égide de Mestre Deshimaru cresceu de forma a impressionar a todos. Como diz, no vídeo abaixo, um dos mestres atuais, doenças da juventude (jeneusse) fizeram alguns acreditar que o verdadeiro zen era libertário, avesso as instituições e a sede central, já com 750 anos, no Japão.
Criam estes que o "verdadeiro" zen estava no coração dos seus seguidores e que não era necessária nenhuma organização. Esta visão, algo anarquista e idealista, criou forças centrífugas, e os grupos começaram a se dividir e enfraquecer, cada um defendendo idéias próprias e métodos diversos.
Após esta enfermidade "nova era", o zen amadureceu, e em sua maioria, os monges mais velhos passaram a se filiar a Soto Shu, viajar até a sede, até o momento atual em que majoritariamente o zen francês tornou-se oficial e sua sede de La Gendronniere passou a ser o centro da Soto Shu na Europa.
Um vídeo, em francês, pode ser visto aqui com a comemoração dos 40 anos do zen na Europa e a presença de grandes mestres da Soto Shu, entre estes Aoyoma Roshi (abadessa do mosteiro feminino de Nagoya) e Saikawa Roshi (Sookan para América do Sul)