Follow by Email

sexta-feira, 25 de maio de 2007

Por quê sofrer ao meditar?

Esse sofrimento do corpo também é muito bom, parece uma espécie de tortura, mas ela faz com que realmente a gente fique aqui. Quando você está aqui, o mundo lá fora, o passado, presente, desaparecem. E porisso, quando há um grande sofrimento físico, também há progresso, se quebra o ego mais rápido. O sofrimento é o caminho mais curto para o crescimento espiritual. Grandes sofrimentos podem ser bênçãos maravilhosas. Basta ver que muitas pessoas crescem espiritualmente quando têm, por exemplo, um câncer. Já tive esta experiência, várias vezes, de falar com pessoas que me procuraram porque estavam com câncer. E aí ela sabe o que é importante na vida, descobre que o dinheiro não tem importância nenhuma, o que ele queria era ver o filho crescer. Este sofrimento é maravilhoso para abrir portas para realização espiritual.