Follow by Email

terça-feira, 10 de novembro de 2009

Fazendo o rakusu


No zen o aluno só toma os preceitos quando faz um rakusu, um modelo resumido do manto budista que se porta ao peito, não significa uma ordenação nem confere autoridade, tampouco seu portador pode se entender como "monge leigo" erro comum (um oxímoro como "civil militar").
Em uma cerimônia ele assume 16 preceitos perante a Sangha e recebe um nome do Dharma de duas sílabas (diferente dos monges que tem 4 sílabas/ideogramas). Esta cerimônia demora um bom tempo para ser autorizada pelos mestres no zen, normalmente mais de um ano de prática regular e significa um compromisso sério com a linhagem daquele mestre.
Normalmente são os portadores de rakusu que podem vir a solicitar uma ordenação como monge noviço. O noviço deve raspar os cabelos (homens e mulheres) para ser reconhecido como ordenado, e ser recebido como tal nos templos. Como diz Handa Sama: "Para ser recebido como monge no Templo Busshinji o noviço precisa se apresentar como tal, cabeça e barba raspadas e okesa (vestido com o manto)."