Follow by Email

sábado, 30 de outubro de 2010

Liberdades e budismo



Em foto da Anistia Internacional, monges do Nepal pedem liberdades de expressão, associação e reunião para a Birmânia. O budismo sempre sofre quando países adotam posturas de censura e políticas totalitárias.
Os budistas brasileiros devem se preocupar quando propostas como "controle social dos meios de comunicação", comitês destinados a policiar ou vigiar a imprensa em mãos dos poderosos que detem força política, ou quaisquer outras formas de censura tendem a se instalar no país. Com o tempo podemos ver as liberdades fundamentais serem destruídas, como mostram os monges budistas da Ásia onde várias nações amordaçam e controlam o pensamento livre e sua possibilidade de expressão.
Da censura ao assassinato dos monges e pensadores livres sempre foram poucos passos, como mostra a história recente da Birmânia.