Follow by Email

quinta-feira, 3 de abril de 2014

Observações sobre linhagens femininas no Theravada

Prof. Sasaki fez algumas observações sobre a postagem anterior, pela sua pertinência as apresento, ressalta-se que são feitas a partir da ótica Theravada a qual pertence o professor.

1) Para o Prof. só pode haver ordenação de mulheres, seguindo o Vinaya, se houver uma ordem de mulheres existente e ininterrupta até Buda. Informa que fora do zen japonês existe isto no Vietnam, China e Coréia.
2) No Theravada e no budismo tibetano, as linhagens femininas pereceram. Houve massacre islâmico mas ele é responsável por um evento indiano, o qual não atingiu outras áreas. Não é o único responsável pela interrupção de linhagens. Dentro do Theravada moderno há grupos querendo ordenar monjas e outros grupos que não aceitam isto.
3) Evidentemente o Theravada passado já aceitou monjas, o problema atual se prende a questão de linhagem explicitada no item 1.
4) O fato do zen não apresentar esta restrição a ordenação de monjas não implica uma superioridade de tolerância e sim um entendimento diverso de linhagem.
5) Para o Prof.  : "Só há monjas no Theravada se aceitarmos os argumentos pro ordenação modernos"