Follow by Email

segunda-feira, 9 de maio de 2016

No fundo, não há características no mundo

As formigas não veem diferenças ou olham umas para as outras e veem outra formiga, ou outro formigueiro.  Para o universo não é diferente. Quando a Terra desaparecer não faz diferença se são as formigas, ou as pessoas. Nós temos que perguntar: quem sou eu além disto? Quem sou eu realmente? Se isto é apenas ilusão temporária, quem sou eu e aquele grande ser ao qual eu pertenço, onde está?

Nós perguntamos para as pessoas quem elas são e elas respondem com seus nomes ou profissões. Nós respondemos com características e o Sutra está dizendo: “não há características realmente. Aquele que percebe que todas as características não são de fato características, este percebe o Tathagata”, ( um dos nomes de Buda).