Follow by Email

segunda-feira, 28 de julho de 2008

Reunião entre McCain e o Dalai Lama preocupa governo da China



Reunião entre McCain e o Dalai Lama preocupa governo da China
Republicano pediu a Pequim que melhore situação dos direitos humanos e solte tibetanos.
Governo da China diz que tudo que diz respeito ao Tibete é 'assunto interno'.


O candidato republicano à Presidência dos EUA, John McCain, recebe o Dalai Lama no Colorado na última sexta-feira. (Foto: Reuters)
A China manifestou nesta segunda-feira (28) "profunda preocupação" com o encontro ocorrido na semana passada entre o candidato republicano à Presidência dos EUA, John McCain, e o líder espiritual tibetano Dalai Lama.

O regime comunista chinês, que domina o Tibete desde 1950, acusa o Dalai Lama de ser um separatista. O líder budista, já agraciado com o Prêmio Nobel da Paz, vive exilado na Índia desde 1959.
Fonte: http://g1.globo.com/Noticias/0,,MUL703036-15525,00.html