Follow by Email

sexta-feira, 10 de julho de 2015

Não se preocupe com a morte, se preocupe com a vida

Pergunta: Mudando um pouquinho o foco, o Senhor falou do incômodo dos mosquitos, que temos que nos acostumar com esse incômodo porque quando a gente morre, o incômodo é muito maior. Até me lembrei que o George Harrison que ficou muitos anos se preparando para morrer. Aí queria saber, o que acontece quando a gente morre e como alguém se prepara para isso?

Monge Genshô: Bom, acho que você deve pensar na morte todos os dias, pois isso dá bastante sentido à vida. Sua vida tem um determinado número de anos e vai acabar em algum momento. Aliás, nós não sabemos quando acaba. O que acontece quando a gente morre, tem uma resposta clássica de um mestre Zen: "Eu não sei". Aí a pessoa interrogadora pergunta: "Mas como? Você é um Mestre Zen e não sabe me dizer o que acontece depois da morte?" E ele responde "Sim, eu sou um Mestre Zen, mas não sou um Mestre Zen morto!".

Na realidade, você não precisa se preocupar muito com esse assunto. Você tem que saber que tudo é impermanente, a vida é impermanente. Mas, toda energia do universo, todo o movimento do universo tem continuidade sempre. Porque energia não desaparece, isso é a primeira lei da termodinâmica, da conservação da energia. A energia continua, por isso há continuidade e por isso há continuidade de vida também. Mas isso não quer dizer que tem um "eu" passando dessa vida para outra vida. Seu "eu" é uma construção temporária do agora. E ele vai desaparecer. É que nós amamos demais esse "eu", nós o construímos todo tempo. O de hoje é diferente do de amanhã. Se você quiser ter uma boa morte, cultive um bom carma.

Carma quer dizer ação. Se você tem ações que produzem bons frutos, isso retornará para você de forma maravilhosa. Se você fizer tudo isso, todo tempo sem se preocupar, isso também vai acontecer depois. Então não precisa se preocupar muito com isso, até porque você vai saber. Todos vão saber o que acontece depois da morte. Todos. Sem exceção. Então, como todos temos um tempo para nos formarmos e recebermos esse diploma, não precisamos nos preocupar muito com o assunto.