Follow by Email

segunda-feira, 22 de maio de 2017

Apenas Sentar-se (Parte 01)



Vamos relembrar o que é nossa prática. Nossa prática central no Zen é o zazen. Não é por outro motivo que realizamos zazen em quantidades industriais, para desespero de todos. Mesmo depois de mais de quarenta anos tentando sentar, essa prática é desconfortável e dolorosa para todos. Não existem as pessoas que digam que a prática é extremamente fácil, porque ela não é. Se fosse, a iluminação estaria presente a qualquer momento e em muitos lugares, mas não é assim que ocorre. 

Então, em primeiro lugar, quando nos sentamos em zazen, precisamos não encará-lo como uma tarefa de tortura ou com uma ambição. Se você cultivar uma ambição, o zazen perderá seu sentido, porque ele começará a ter objetivo aquisitivo ou egóico, e esse objetivo aquisitivo ou egóico destrói a prática espiritual, transformando-a numa espécie de materialismo, fazendo com que você pratique apenas para contar suas glórias.