Follow by Email

quarta-feira, 15 de abril de 2009

O que é ser budista?


Monges ouvem o mestre, retiro de treinamento em Itapecirica da Serra, SP.

É claro que existe o chamado budista de estatística, é aquele que assim se declara ao censo. Mas para pensarmos o que é um budista realmente, teremos que cogitar sobre o refúgio e as três jóias. O refúgio é o ato de tomar como lugar onde nos sentimos protegidos, três conceitos básicos: 1) O Buddha como ideal do que desejamos ser, seres despertos, a idéia de seguir seu caminho, mesmo sabendo que é difícil de realizar este objetivo. 2) O Dharma, como o conjunto de ensinamentos, a sabedoria contida nas palavras do Buddha e dos mestres. 3) A Sangha, a comunidade onde praticamos, os companheiros que meditam conosco, sofrem junto, nos perturbam e incomodam com suas dificuldades pessoais, que refletem as nossas.

De modo que para ser budista é preciso perseguir o ideal da iluminação de Buddha, estudar o Dharma, e praticar em uma Sangha. Se falta um destes itens somos parcialmente budistas: ou idealistas que não praticam, ou estudiosos eruditos, ou meros frequentadores da Sangha como se fosse um clube.