Follow by Email

quinta-feira, 1 de setembro de 2016

Sobre o que e como conversar

Diretamente dos tempos de Shakyamuni Buddha, as recomendações do mestre:
Majjhima Nikaya 122 Mahasuññata Sutta O Grande Discurso sobre o Vazio ............. 12. “Quando um bhikkhu (monge) está assim, se a sua mente se inclinar para conversar, ele decide: ‘Essa conversa é baixa, vulgar, grosseira, ignóbil, não traz benefício e não conduz ao desencantamento, desapego, cessação, paz, conhecimento direto, iluminação e Nibbana,(Nirvana) isto é, conversa sobre reis, ladrões, ministros de estado, exércitos, alarmes e batalhas; comida e bebida, roupas, mobília, ornamentos e perfumes, parentes; veículos; vilarejos, vilas, cidades, o campo; mulheres e heróis; as fofocas das ruas e do poço; contos dos mortos; contos da diversidade (discussões filosóficas do passado e futuro), a criação do mundo e do mar e falar sobre a existência ou não das coisas: desse tipo de conversa eu não participo.’Dessa forma ele possui plena consciência daquilo. “Mas ele decide: ‘Aquelas conversas que tratam da obliteração, que favorecem a libertação da mente, que conduzem ao completo desencantamento, desapego, cessação, paz, conhecimento direto, iluminação e Nibbana, isto é, conversas sobre querer pouco, satisfação, afastamento, distância da sociedade, despertar a energia, virtude, concentração, sabedoria, libertação, conhecimento e visão da libertação: desse tipo de conversa eu participo.’ Dessa forma ele possui plena consciência daquilo. .................. Fonte: http://www.acessoaoinsight.net/sutta/MN122.php Antes que perguntem esta instrução não era para os leigos, sobre estes recomendo ler o Sutra de Vimalakirti (sec. 1 DC)