Follow by Email

segunda-feira, 5 de março de 2018

Fazer Esforço sem se Esforçar




Pergunta: Gostaria que o senhor falasse sobre o não esforço, porque é muito difícil seguir a prática sem esforço.

Monge Genshô: Acontece que quando você se esforça e tem uma grande missão, você constrói, justamente por causa dessa missão, mesmo que ela seja iluminar-se, grandes problemas e grandes insatisfações. Porque você se esforça tentando chegar a um objetivo, então é uma mente aquisitiva que quer adquirir a iluminação, o despertar, a realização espiritual, essa mente que pensa assim está pensando como se estivesse comprando.

Por causa dessa atitude ela não pode chegar lá. É necessário você fazer as coisas bem feitas, mas sem esse tipo de esforço. Por exemplo, você pode lavar a louça: se você lava a louça para terminar o trabalho, então essa tarefa será um trabalho. Mas se você lava a louça só por lavar e aprecia a água correndo pelas mãos, a louça ficando limpa, se você sentir prazer nisso, na tarefa em si, essa tarefa pode ser muito prazerosa e pode ser um caminho espiritual. Mas se você transformar em esforço, ela não é. É uma forma de tortura, que alguém o convenceu a fazer.

Então como deve ser? Se você fizer as coisas com esforço não conseguirá nada, mas se você não se esforçar aí sim é que não vai a lugar nenhum. Essa é uma declaração Zen, guarde essa frase. Se você guardar essa frase, poderá viver a vida sem se torturar, e isso será libertador. Você tem que ter a capacidade de fazer esforço sem se esforçar.